Diferenças entre Pré Hormonais e Pró Hormonais

Ainda existe muita confusão em relação aos suplementos chamados “pró-hormonais” e os “pré-hormonais”. Há uma grande diferença entre essas duas categorias de produtos e o objetivo deste artigo é esclarecer e explicar como cada uma delas age no seu organismo, para que você possa escolher aquela que melhor se adequa aos seus objetivos.

Pré-hormonais

Pré-hormonais são suplementos alimentares que estimulam o próprio corpo a produzir os seus hormônios. A produção interna aumenta por causa dos efeitos estimulantes que essas substâncias têm nos mecanismos de produção hormonal do organismo.

Os pré-hormonais não são substâncias que serão convertidas diretamente em hormônios. O efeito provocado pelos pré-hormonais é a elevação de hormônios anabólicos decorrentes exclusivamente de uma maior produção natural dessas substâncias pelo corpo.

E pra que serve essa produção mais elevada de hormônios? Uma maior produção de hormônios anabólicos é ótima principalmente para dois tipos de pessoas: para aquelas que desejam ganhar massa muscular, ou para aquelas pessoas que estejam fazendo terapia pós-ciclo (TPC).

Pré-hormonais são elevadores naturais de testosterona. Um exemplo deles é o Tribulus terrestris, uma planta responsável por aumentar os níveis de hormônio luteinizante (LH), que por sua vez é o hormônio que estimula as células de Leydig, nos testículos, a produzir testosterona.

Imagem mostrando o efeito do aumento da testosterona provocado pelo aumento do hormonio LH provocado pela ingestão de um pré hormonal

Tribulus Terrestris Aumenta os níveis de LH Aumenta a produção de testosterona

Outros exemplos de produtos que contêm em sua fórmula elevadores naturais de testosterona são: Recycle, P6 Extreme, Powerfull, PCT Assist, entre outros.

Pró-hormonais

Os suplementos pró-hormonais são precursores de hormônios e são utilizados a fim de aumentar a quantidade disponível de hormônio no corpo, o que leva a grandes ganhos de massa muscular. Isso significa que estes compostos são convertidos diretamente em hormônios anabólicos por meio de processos enzimáticos do metabolismo.

Pró-hormonais são suplementos poderosos e seu uso deve ser acompanhado por substâncias que protejam o fígado, rins, coração e outros órgãos que serão sobrecarregados. É fundamental fazer uma boa TPC (terapia pós-ciclo) ao final de um ciclo de pró-hormonais, pois a TPC estimula a retomada da produção natural de testosterona, mantendo-a em níveis saudáveis e prevenindo contra quedas hormonais repentinas.

Um exemplo de um pró-hormonal é a androstenediona, que é convertida em testosterona pela enzima 17β-hidroxiesteróide desidrogenase (17β-HSD). Para facilitar, veja abaixo um modelo simplificado da reação:

Androstenediona 17β-HSD Testosterona

Androstenediona 17β-HSD Testosterona

Exemplo de outros pró-hormonais: Halovar, M-Drol, M-Stane, H-Stane, Trenevol, Phreak, e Reign Hardcore.

Comparação Pré-Hormonal Pró-Hormonal
Estimula a produção de hormônios? SIM NÃO
É convertido diretamente em hormônios? NÃO SIM
É necessário fazer terapia pós-ciclo (TPC)? NÃO SIM
São usados para quê? TPC e ganho de massa muscular Ganhos pesados de massa muscular
Qual a intensidade dos ganhos de massa muscular? LEVES INTENSOS

Conclusão

Pró-hormonais são muito diferentes dos pré-hormonais. Embora ambos tenham como resultado final o incremento das taxas hormonais no corpo, há uma diferença fundamental entre estes suplementos. Os pró-hormonais (Halovar, M-Drol, M-Stane, H-Stane, Reign Hardcore, Phreak, Trenevol, etc…) ao serem ingeridos se transformarão em hormônios quando metabolizados. Os pró-hormonais são uma fonte externa de hormônios.

Os pré-hormonais (Tribulus Terrestris, P6 Extreme, Powerfull, Recycle, PCT Assist, etc…) são uma fonte interna, porque eles aumentam os níveis hormonais por meio da estimulação da produção natural de hormônios.

Bons treinos e um abraço do Doutô Lokura.

Deixe o Seu Comentário ou Dúvida (Clique Aqui)